SMS discute resistência aos antimicrobianos na II Conferência de Saúde Pública

A resistência aos antimicrobianos é um dos temas discutidos mundialmente por ameaça à saúde pública. Durante a II Conferência de Saúde Pública, que começa amanhã (20) e segue até o dia 22, no Senai Cimatec, a Secretaria Municipal da Saúde debate o assunto.

Os agentes antimicrobianos são medicamentos usados para tratar infecções, essenciais para proteger a saúde humana e animal. Porém, o uso em excesso ou inadequado pode levar ao surgimento de bactérias resistentes que não respondem ao tratamento com antibióticos.

Promovida pela Sociedade de Medicina Veterinária da Bahia e a Comissão de Saúde Pública do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado da Bahia, a conferência tem como tema central “Resistência Microbiana e os impactos na saúde humana e animal” e é destinada a estudantes e profissionais da área da saúde.

No evento, a SMS, por meio do Centro de Zoonoses, também vai abordar temas como arboviroses, raiva urbana e a interface com a raiva silvestre, esporotricose, leishmaniose além dos aspectos da bioecologia do aedes aegypti.