Em alusão à Semana Nacional de Mobilização contra as arboviroses, entre os dias 20 e 24 de novembro, a Secretaria Municipal de Saúde, através do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), mobiliza esforços e ações contra o Aedes aegypti, mosquito transmissor da Dengue, Zika, Chikungunya.

Na segunda-feira (20), Dia Nacional da Consciência Negra, foi realizada roda de conversa em Terreiros de Candomblé, tidos como pontos estratégicos devido ao grande número de plantações, das localidades de Lagoa da Paixão, Valéria I, Cajazeiras VI, Fazenda Coutos, Paripe I, São Gonçalo, Vale dos Lagos e Nova Brasília, às 9h.

No decorrer da semana, os profissionais realizarão demais ações em diversos bairros da cidade, como aplicação de inseticidas em locais de grande circulação de pessoas; instalação de armadilhas para o mosquito; visitas a locais com maior vulnerabilidade, como canteiros de obras, pontos de coleta e ferros velhos, entre outros.

À frente da pasta, a vice-prefeita e secretária de saúde, Ana Paula Matos, destaca que a estratégia reforça a importância de uma rotina de eliminação de criadouros para garantir área seguras, livre do vetor. “A SMS seguirá reforçando as atividades de combate ao mosquito. Aproveito a oportunidade para pedir a participação da população nas ações destinadas ao combate ao vetor nesta semana de mobilização e durante todo o ano, para que sigamos de mãos dadas contra o Aedes”, orienta Ana Paula Matos.

Além das inspeções, serão realizadas orientações sobre práticas e ações cotidianas que podem ser realizadas para manter o Aedes longe da população. “Salvador está desde o final de outubro com uma grande campanha de combate às arboviroses, que é o “Verão Sem Mosquito”. Seguiremos até março de 2024 fortalecendo as atividades de controle e prevenção durante todo o verão”, completou a gestora.

Confira a programação:

21/11: Aplicação de inseticida de efeito residual no Terminal Marítimo de Passageiros devido ao Início da Temporada dos Cruzeiros em Salvador, às 9h30.

22/11- Instalação de ovitrampas- (armadilhas desenvolvidas especialmente para coletar os ovos do mosquito) no Terminal Marítimo de Passageiros, às 9h.

23/11- Caminhada Verão Sem Mosquito na comunidade Nova Esperança, Distrito Itapuã, das 8h às 12h.

24/11 – Intensificação às orientações nos pontos estratégicos: canteiros de obras, ferros velhos, borracharias, pontos de coleta de material reciclado, das 8h às 12.